domingo, 20 de fevereiro de 2011

Choclos, choclitos.

Alguém já ouviu falar em “choclos”? É o nome que recebe o milho peruano, de sabor e tamanho sem igual. Recebemos de presente uns “choclos” que acabamos degustando hoje, com os olhos fechados e um sorriso de satisfação total. Os acompanhamos com manteiga e queijo branco. De tantas iguarias que existem no Brasil é uma pena que não se consiga produzir um milho igual ao peruano. Suponho que a altura considerável do nível do mar dos cultivos andinos, fazem esta diferença. Então, na primeira oportunidade que tenham de visitar o Peru, experimentem, além do delicioso sorvete de lúcuma, o “choclo serrano” e depois concordarão comigo que é o melhor do mundo!
Acompanhamento de Abóbora com milho:
Esta receita pode ser feita com milho brasileiro, escolham umas espigas tenras debulhadas e cozidas. A abóbora pode ser da sua escolha, eu gosto mais daquela de casca esverdeada.
Ingredientes:
Uma abóbora cortada em cubos
Duas xicaras de milho cozido
2 centímetros de gengibre ( ralar ou picar finamente)
3 colheres de cebolinha picada
½  xícara de shoyu
1 colher de óleo de gergelim
12 amêndoas fatiadas com casca
Modo de preparo:
Coloque numa forma refratária untada com óleo de canola os troços de abóbora crua e as duas xícaras de milho cozido. A parte, misture o gengibre ralado, shoyu, cebolinha, o óleo de gergelim e espalhe por cima da abóbora com milho. Respingar as amêndoas fatiadas e levar para assar até a abóbora ficar macia.
Sirva para acompanhar qualquer grelhado.

Um comentário:

  1. Vou fazer esta receita, a família vai adorar, certamente.
    Beijo
    Valéria

    ResponderExcluir